"Ajudando as mulheres a liderar, vencer, governar." ✫Desde 2009✫

Comentários ‘Pascoa’

Papa Bento XVI Foto Rádio Vaticano

Nesta segunda-feira de Páscoa, Bento XVI rezou a oração do Regina Coeli com os fiéis e turistas que foram a Castel Gandolfo, a residência pontíficia nas proximidades de Roma onde o Papa está transcorrendo alguns dias para repousar.

Em sua breve catequese, antes de abençoar os fiéis, o Papa recordou que em muitos países, hoje é um dia de férias, uma ocasião para fazer um passeio no campo, visitar parentes ou se reunir com a família. Mas ressaltou que a razão deste feriado, ou seja, a Ressurreição de Jesus, é o principal mistério de nossa fé.

Por isso, o Papa recomendou que nestes dias, leiamos as narrações da Ressurreição de Cristo, nos quatro Evangelhos:

“São narrações que, de maneiras diferentes, ilustram os encontros dos discípulos com Jesus ressuscitado, e nos permitem meditar sobre este evento que transformou a história e que dá sentido à vida de cada homem”.

Bento XVI continuou explicando que as narrações começam quando, ao amanhecer do dia depois do sábado, as mulheres foram ao sepulcro e o encontraram aberto e vazio. Recebido do anjo o anúncio da ressurreição, elas correram a dar a notícia aos discípulos, e precisamente naquele momento, encontraram Jesus, caíram aos seus pés e o adoraram; e ele disse a elas: “Não temais: ide a anunciar aos meus irmãos que vão à Galiléia: lá eles me verão” (Mateus 28,10).

“Em todos os Evangelhos, as mulheres têm grande espaço na narração das aparições de Jesus ressuscitado, como também na Paixão e morte de Jesus. O testemunho das mulheres não tinha valor oficial , jurídico, mas as mulheres viveram uma experiência de ligação especial com o Senhor, que é fundamental para a vida concreta da comunidade cristã, e isto sempre, em todos os tempos, não só no início do caminho da Igreja”.

Concluindo, Bento XVI disse que Maria, a Mãe do Senhor, foi um modelo sublime e exemplar deste relacionamento com Jesus, especialmente no seu mistério pascal. E consequentemente, através da experiência transformadora da Páscoa de seu Filho, a Virgem Maria é também Mãe da Igreja, de todos os cristãos e suas comunidades.

Ao terminar seu discurso, o Papa cumprimentou os vários grupos de fiéis e concedeu a todos a sua benção.

Da Rádio Vaticano

 

Ig
dezembro 2014
D S T Q Q S S
« nov    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  
Curta!
Mulheresnopoder