"Ajudando as mulheres a liderar, vencer, governar." ✫Desde 2009✫

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse nesta segunda-feira (22) à senadora Marta Suplicy que o candidato do PT à Prefeitura de São Paulo deve ter uma “cara nova”. Essa foi a conversa mais direta que ambos tiveram até agora a respeito do processo interno de escolha de candidato. Marta conversou com Lula por quase duas horas, na sede do Instituto Cidadania, na capital paulista.

A senadora foi a última de quatro pré-candidatos com os quais o ex-presidente se reuniu. Na verdade, Marta era o principal alvo de uma ofensiva desencadeada por Lula em favor da candidatura do ministro Fernando Haddad (Educação).

Lula não pediu diretamente para que Marta e os deputados Carlos Zarattini e Jilmar Tatto desistam de disputar prévias no partido. Mas a todos repetiu a avaliação de que o PT deveria ter um candidato novo e um discurso diferente para voltar a ter chance de governar a capital.

O ex-presidente também enfatizou para Marta a importância do Senado e de como ele priorizou a composição de uma base forte na Casa depois de enfrentar derrotas em seu mandato. “Ele disse que, para ele, o mais importante é o Senado, e que deixou de eleger governadores para fazer senadores”, disse Marta.

Segundo ela, no entanto, Lula não pediu diretamente que ela retire a candidatura nem que permaneça na Casa. “Eu também gosto do Senado, mas meu lugar é em São Paulo”, disse Marta, que afirmou que continua “pré-candidatíssima”.

Ela negou que pretenda desistir da disputa, como vem sendo dito, nos bastidores, por seus próprios aliados. “Nunca pensei em desistir”, disse Marta.

Do Bahia Toda Hora

Comentários fechados.

Ig
agosto 2011
D S T Q Q S S
« jul   set »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  
Curta!
Mulheresnopoder