"Ajudando as mulheres a liderar, vencer, governar." ✫Desde 2009✫

Arquivos para a janeiro, 2010

Novo teste poderá prever risco de reincidência do câncer de mama

mama1

Um teste genético em fase de análise no Instituto Dana-Farber, nos Estados Unidos, poderá, no futuro próximo, ajudar a prever que mulheres estão mais sujeitas à reincidência do câncer de mama após o tratamento com quimioterapia. Pesquisadores americanos identificaram dois genes que podem diminuir a eficácia dos quimioterápicos.

Oncologistas não conseguem explicar porque a quimioterapia funciona em alguns pacientes e não em outros. Mas cientistas já sabem que as propriedades moleculares do tumor estão diretamente ligadas ao resultado da quimioterapia.

Neste estudo, os pesquisadores da equipe do Instituto Dana-Farber avaliaram o código genético de tumores retirados de mulheres que haviam feito o tratamento com o quimioterápico antraciclina, um dos mais usados atualmente. Na análise, eles descobriram que pacientes com um tipo mais resistente de tumor tinham dois genes ativos que impediam a ação completa do medicamento. O teste foi feito com 85 mulheres.

Segundo o oncologista Eric Winer, diretor de oncologia da mama no Instituto Dana Farber, a descoberta pode ajudar no desenvolvimento de testes que indiquem o melhor tratamento quimioterápico para cada mulher. Descobrindo quais medicamentos o tumor terá resistência, a paciente não perderá tempo com intervenções pouco eficazes e terá mais chances de cura. O estudo, ainda em fase preliminar, faz parte de uma nova geração tratamentos contra o câncer, que estão cada vez mais personalizados graças à terapia genética.

Fonte: Agência O Globo Londres

75 restaurantes de Brasília em promoção até o dia 7 de fevereiro

Promoção acontece até o dia 7 de fevereiro

Promoção acontece até o dia 7 de fevereiro

De uma coisa o brasiliense não pode reclamar: os restaurantes da capital do país são excelentes. E até o dia 7 de fevereiro eles parecerão ainda mais atrativos. É que começou ontem (25) o festival gastronômico Brasília Restaurant Week, que oferecerá preços promocionais fixos em 75 restaurantes. A entrada, mais prato principal e ainda sobremesa sairão por R$ 27,50 no almoço e R$ 40 no jantar (couvert, bebidas e 10% não inclusos).

Além do consumidor, a organização Nosso Lar, que cuida de crianças e adolescentes vítimas de maus tratos, também ganhará com o festival gastronômico. A cada refeição, R$ 1 será doado para a instituição. Na edição do ano passado, o Nosso Lar foi beneficiado com R$ 20 mil.

Para conferir os estabelecimentos que estão participando do festival, clique aqui.

Europa suspende venda de remédio para emagrecer

Cloridato de Sibutramina é vendido no Brasil com prescrição médica

Cloridato de Sibutramina é vendido no Brasil com prescrição médica

A Emea (agência de medicamentos da Europa) recomendou ontem a suspensão da venda e da prescrição de remédios para emagrecer que contêm sibutramina — uma das substâncias mais usadas para emagrecimento no Brasil.

A agência se baseou em dados do estudo Scout, que avaliou 10 mil pacientes durante seis anos e apontou risco de evento cardiovascular maior entre os que usavam o remédio. A maioria dos pacientes avaliados pelo trabalho já apresentavam doença cardíaca.

O laboratório Abbott, fabricante de drogas com sibutramina (Meridia e Reductil), parou de comercializar as drogas na Europa. No Brasil, os remédios continuam disponíveis. Aqui, o medicamento é de uso controlado, sendo vendido somente com receita médica retida. A bula aborda o risco de aumento de batimentos cardíacos e da necessidade de cautela do uso em pacientes com problemas cardiovasculares.

“A sibutramina aumenta a pressão arterial e os batimentos cardíacos. Há um maior estímulo no sistema nervoso simpático, que, quando muito ativado, pode elevar o consumo de oxigênio do coração e o risco de arritmias cardíacas”, afirma o cardiologista Raul Dias dos Santos, diretor do setor de lípides do InCor, em São Paulo.

“A mensagem do Scout é simples: não pode dar para paciente coronariano, hipertenso. E só. É um medicamento seguro, testado, com resultados muito bons. Tenho experiência há mais de 12 anos”, diz o endocrinologista Alfredo Halpern, chefe do Grupo de Obesidade e Síndrome Metabólica do Hospital das Clínicas de SP.

Halpern acredita que haja preconceito contra as drogas para emagrecer. “Se fosse remédio para pressão ou depressão, não haveria tanta celeuma. Toda vez que aparece um remédio que ajuda na obesidade, sai um estudo enorme que mostra que morre um a mais em cada mil e é suficiente para retirá-lo do mercado.”

Existem cerca de 20 medicamentos no país com sibutramina. Ela também pode compor fórmulas preparadas em farmácias de manipulação. Segundo a Junta Internacional de Fiscalização de Entorpecentes, o Brasil é um dos maiores consumidores de anorexígenos (classe de emagrecedores) do mundo –a sibutramina figura entre os mais vendidos no país nessa categoria.

Fonte: Folha de S.Paulo

Ao Haiti, o esquecimento

Monica Torres Maia

Jornalista, Prêmio Rey de España de Imprensa 1999.

monica1O Haiti é aqui. O Haiti é em qualquer lugar onde há dor. A catástrofe que, em ondas, surgiu da placa caribenha, abriu um leque: o Haiti é em qualquer lugar onde há vida e vontade de continuar vivendo. Da canção de Caetano e Gil, há o refrão de todas as misérias. Há, também, o que canta que todo imponderável pode virar um novo amanhã. Linhas e linhas, áudios, vídeos, impressões digitais – todos fazendo gritar a desgraça e a impotência diante de milhares e milhares de mortes no país mais pobre das Américas. Entremeando o drama, luzes. A pediatra pastora D. Zilda Arns, o diplomata Luiz Carlos da Costa, os heróis do Exército brasileiro.

Enquanto escrevo, há dez mil grávidas precisando de assistência médica urgente em Porto Príncipe. A maioria de seus filhos serão candidatos à desnutrição, à mortalidade infantil. A taxa haitiana é uma das mais altas da Terra. Naquele país devastado, a expectativa de vida mal passa dos 60 anos. Nas últimas duas décadas, o Brasil foi um dos campeões do aumento do tempo de sobrevivência das crianças do planeta. Porque ela estava lá – D. Zilda. Partindo de uma microscópica cidade paranaense, Florestópolis, que exibia um cemitério inédito, com muito mais cruzes infantis do que de gente grande, ela pôs a medicina nos trilhos originais do sacerdócio e plantou um programa barato e eficiente. Claro, sem burocratas, sem caminhos tortuosos, sem custos fantasmas. E ganhou o mundo.

Ganhou o mundo enquanto seus olhos azuis reluziam. Ganhou o mundo sob os escombros de um prédio singelo em frente à igreja Sacré Coeur de Tugeau. Alguém assim não morre nunca. O exemplo – de ética, dignidade, desprendimento, tolerância, solidariedade – fica gravado ad infinitum.

Ser lembrada ao Prêmio Nobel é pequenino demais para a sua grandeza.

D. Zilda estava lá. Como estavam outros homens nascidos nesse chão. Como outros milhares de brasileiros anônimos que, incrivelmente, vivem decentemente; cumprem seus deveres com retidão, honestidade, responsabilidade. O Brasil não é o lugar do “jeitinho”. O “jeitinho” só está reservado a uns poucos que confundem poder com falta de pudor. Quantos voluntários percorrem estradas esburacadas e vielas de favelas para ajudar o próximo? Quantos profissionais de todas as áreas se dedicam a ações pelo bem-estar coletivo? Num País que adora estatísticas, esse número é um mistério. Porque quem empenha a alma, o faz longe de holofotes. A única numerologia que interessa é a que atropela a desigualdade.

Desde a II Guerra Mundial, foi o maior número de baixas do nosso Exército. A maioria, meninos de pouco mais de 20 anos. Eles reconstruíam o Haiti que acabou de desmoronar. O nosso Exército não bombardeava; era da força de paz. O nosso diplomata era o vice-representante da ONU. Quem conhecia Luiz Carlos da Costa aqui? Quem conhecia Sérgio Vieira de Mello até o atentado terrorista em Bagdá? Quem conhece os brasileiros que realmente mereceriam estampar manchetes?

A fama dos heróis, homens de bem, apenas se torna visível na tragédia.

É, Brasil, restam as homenagens. Resta o esquecimento. Suas histórias de vida deveriam sobrepujar páginas e páginas de livros oficiais. D. Zilda e sua missão revolucionária deveriam ocupar um ano escolar inteirinho. Teríamos mais crianças vivas; teríamos mais adultos cidadãos. Luiz Carlos da Costa, coronel Emílio Torres dos Santos, sargento Rodrigo de Souza Lima, soldado Felipe Gonçalves Júlio… Os brasileiros desaparecidos no Haiti somam 21. Somariam milhões de brasileiros trabalhando por um mundo melhor se a força e a coragem com que viveram não fossem soterradas pelo próximo Haiti.

Lula sanciona lei que cria o Fundo Nacional do Idoso

Lei começa a valer em janeiro de 2011

Lei começa a valer em janeiro de 2011

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva sancionou a lei que institui o Fundo Nacional do Idoso. Com a nova legislação, sancionada ontem (20), pessoas físicas e jurídicas poderão deduzir do Imposto de Renda doações feitas ao fundo, nos âmbitos nacional, estadual e municipal. O Fundo será gerenciado pelo Conselho Nacional dos Direitos da Pessoa Idosa (CNDI) e tem por objetivo financiar programas e ações que assegurem os direitos sociais do idoso e criem condições para promover sua autonomia, integração e participação efetiva na sociedade.

Sua receita virá principalmente dos recursos destinados ao Fundo Nacional de Assistência Social; das contribuições feitas a fundos controlados por Conselhos dos Direitos da Criança e do Adolescente e Conselhos do Idoso; de recursos destinados no orçamento da União; de contribuições e resultado de aplicações de governos e organismos estrangeiros e internacionais; e de resultado de aplicações no mercado financeiro. A nova lei entrará em vigor a partir de janeiro de 2011.

Fonte: Agência Brasil

A partir de segunda-feira empresas podem aderir à licença-maternidade de seis meses

maternidadeEmpresas privadas poderão aderir, a partir de segunda-feira (25), ao programa “Empresa Cidadã”, que prevê o abatimento de impostos para companhias que prorrogarem por mais dois meses a licença-maternidade de suas funcionárias. A Receita Federal publicou nesta sexta-feira (22) norma regulamentando a adesão das empresas. Para quem já está de licença-maternidade, o prazo de pedido de adesão termina hoje.

De acordo com o secretário de Arrecadação e Cobrança, Marcelo Lins, o pedido de extensão da licença deve partir da empregada, que tem um mês após o parto para fazê-lo. Depois do pedido, a empresa poderá fazer a adesão no site da Receita Federal e então poderá descontar no Imposto de Renda o valor integral dos dois meses de salário pagos adicionalmente. A concessão do benefício, porém, não é obrigatória. Se a empresa entender que não é vantajoso para ela, poderá se negar a prorrogar a licença por mais dois meses.

O desconto no IR só será possível para empresas que fazem a declaração pelo lucro real, que somam cerca de 150 mil no país, de acordo com Lins. Ou seja, apenas essas companhias terão o benefício fiscal se optarem pela prorrogação. O secretário da Receita ressaltou, porém, que elas respondem por cerca de 50% do quadro de funcionários de empresas privadas no Brasil.

Atualmente, servidoras públicas já têm direito a licença-maternidade de 180 dias. Para as funcionárias de companhias privadas, as empresas são obrigadas a conceder a licença-maternidade por 120 dias. Nesse período, o salário é pago pelas empresas que são ressarcidas pelo INSS.

* Com informações da Folha Online

Par de esqueletos abraçados encontrado em Espanha tem seis mil anos

Podem ter sido um casal, dizem especialistas Foto: BBC

Podem ter sido um casal, dizem especialistas Foto: BBC

Após 20 meses de investigações, arqueólogos da Espanha concluíram que um par de esqueletos encontrados abraçados, no sul do país, tem 6 mil anos. Embora os ossos tenham sido achados em 2008, a revelação de que eles foram encontrados só foi feita agora, após o estudo detalhado dos esqueletos – que especialistas estão chamando de “os apaixonados”.

Cientistas consideraram o achado “extraordinário do ponto de vista emocional”.
Segundo a antropóloga Milagros Macías, que analisou a fossa dos esqueletos, “o indivíduo depositado à direita corresponde a um adulto com idade dental estimada entre 35 e 40 anos e o da esquerda corresponde a uma menina de 12 anos”.

O relatório confirma ainda que os dois teriam sido enterrados abraçados de propósito.“Não há dúvidas sobre a intenção por parte dos que executaram o enterro de que houvesse contato físico entre ambos, Já que certamente existiria um forte vínculo afetivo (entre eles).”

O diretor das escavações, Eduardo Vijande, no entanto, diz que “ainda é cedo para garantir que se trate de um casal apaixonado”. Segundo ele, falta conhecer os resultados das provas antropomórficas e antropométricas para saber se o esqueleto da direita, o adulto, pertence a um homem ou uma mulher, além de exames de DNA que poderiam determinar a existência de uma relação familiar entre ambos.

“Poderiam ser pai e filha, ou mãe e filha, o que mudaria o romantismo do descobrimento, mas ainda assim mantém o vínculo de um grande amor”, afirmou Vijande.

*Fonte: BBC Brasil

Bazar Muamba Boa muda de lugar

bag bazzar grandeO bazar Muamba Boa, que acontece amanhã (23), não será realizado na asa sul. O local do evento foi transferido para a SQN 112, bloco i, apartamento 203. O horário é o mesmo: a partir das 10 horas.

No bazar, produtos importados como cremes Victoria’s Secret, camisas pólo Tommy e bolsas Michael Korns estarão acessíveis a preços baixos. Além disso, vestidos de festa, sapatos, crocs e até artesanato.

Mundo da moda está preocupado com saúde das modelos

A modelo Ana Carolina Reston,  21 anos, com apenas 40 quilos e 1,74m, morta em 2006 em consequência da anorexia

A modelo Ana Carolina Reston, 21 anos, com apenas 40 quilos e 1,74m, morta em 2006 em consequência da anorexia

Fashionistas sentados na primeira fila de um desfile da São Paulo Fashion Week 2010 ficaram espantados com o fato das modelos estarem mais magras do que nunca. Diante disso, o empresário Paulo Borges, diretor da São Paulo Fashion Week relatou que a organização do evento deve encaminhar um comunicado às maiores semanas de moda do mundo para alertar sobre a magreza atual das modelos.

Marco Antonio Tommaso, psicólogo clínico especializado em transtornos alimentares, ressalta que precisam ser criadas medidas urgentes de coibição mundial para evitar essa busca descontrolada pela magreza. “Muitas mulheres se espelham em modelos nacionais e internacionais e buscam o emagrecimento de forma descontrolada e passam dos limites. Depois os resultados são os transtornos alimentares, bulimia, anorexia e muitas vezes até a morte”, explica.

De acordo com Tommaso, campanhas educativas para evitar transtornos alimentares e incentivar o emagrecimento saudável com responsabilidade e descartar essa patologia cultural sobre a magreza é o caminho que autoridades no Brasil e no mundo têm que seguir.

Ig
janeiro 2010
D S T Q Q S S
« dez   fev »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  
Curta!
Mulheresnopoder